Terceira Margem Amazônia, Vol. 4, No 12 (2019)

REFLEXOS DA CAPACITAÇÃO DE AGRICULTORES FAMILIARES EXTRATIVISTAS DE CASTANHA-DO-BRASIL (BERTHOLLETIA EXCELSA H.B.K.) NO NOROESTE MATO-GROSSENSE

Jeniffer Steffany Queiroz Bastos, José Roberto Rambo

Resumo


A extração de castanha-do-brasil promove o sustento de famílias extrativistas. No entanto, sua produção apresenta algumas limitações, tais como a contaminação por fungos, devido a práticas de manejo inadequadas. Diante disso, foram desenvolvidos na comunidade Guariba Roosevelt, em Aripuanã, Mato Grosso, programas de capacitação destinados a tornar os extrativistas qualificados para realizarem práticas de manejo corretas. Este trabalho buscou avaliar os reflexos de tais programas na produção e comercialização da castanha em foco. A pesquisa foi desenvolvida por meio de visitas às propriedades extrativistas e entidades com ações junto às famílias extrativistas, com aplicação de formulários semiestruturados aos extrativistas e coleta de dados secundários com as entidades. Foi possível constatar que a capacitação proporcionou significativas melhorias na produção, inclusive ao agregar maior qualidade à castanha-do-brasil e, consequentemente, no preço de comercialização do produto.

Texto Completo: PDF