Terceira Margem Amazônia, Vol. 1, No 2 (2012)

MODO DE VIDA E USO DOS RECURSOS NATURAIS EM UMA COMUNIDADE RIBEIRINHA DAS ILHAS DE ABAETETUBA/PA

Denison da Silva Ferreira

Resumo


O artigo aborda alguns aspectos da dinâmica socioespacial em uma comunidade ribeirinha da Amazônia situada às margens do rio Pará, na microrregião do Baixo-Tocantins, Nordeste paraense. Partindo do exemplo empírico desta comunidade esta breve análise lança o olhar sobre a complexidade e a trajetória histórica das populações ribeirinhas da Amazônia, frequentemente esquecidas ou não devidamente retratadas na literatura, tampouco nas políticas públicas. Alguns resultados preliminares desta pesquisa (que não se encerra com este trabalho, mas que compreende parte da discussão empreendida em nossa pesquisa de dissertação de mestrado, em andamento) nos possibilitam perceber a capacidade da resiliência das sociedades ribeirinhas da Amazônia, mesmo sendo considerados, por alguns seguimentos sociais, “resíduos anacrônicos” do sistema econômico vigente. Essa capacidade de resiliência possibilita que as práticas cotidianas guardem marcas no tempo e no espaço do passado ribeirinho, refletindo, desse modo, múltiplas formas de reprodução socioespacial, à exemplo da comunidade em questão.

Texto Completo: PDF